23 janeiro 2015

O MAGNETISMO DA LUA

O MAGNETISMO DA LUA


                A Lua sempre exerceu um profundo fascínio sobre a mente e a imaginação humana, tanto que tornou-se o principal assunto de inúmeros mitos, lendas, poemas, canções, etc... É considerada por várias tradições e culturas como o símbolo celeste do princípio feminino, a própria Mãe Divina, invocada em cultos e rituais para promover a fertilidade e assegurar o crescimento e a nutrição vegetal, animal e humana.
                Desde a antiguidade, a Lua tem sido venerada como a personificação do princípio divino feminino. Os cultos à Grande Mãe realizados pelos Wiccanos e várias culturas e civilizações veneraram Deusas Lunares, conhecidas sob diversos nomes e representações, conforme o país de origem. Os estudos dessas antigas tradições revelam que a interpretação da Grande Mãe como Deusa Tríplice (Donzela, Mãe, Anciã) foi baseada no ciclo das fases da Lua (crescente, cheia, minguante).
                Como símbolo do princípio feminino, a Lua representa os estados da alma, os valores do inconsciente, as emoções e o psiquismo, a receptividade, sensitividade, fertilidade, inspiração e intuição. A Lua influencia o desenvolvimento e o crescimento das plantas, o movimento das marés e dos fluidos corporais, o ciclo menstrual, a concepção, geração e nascimento do todos os seres vivos.
                O meio ambiente na terrestre é afetado pela Lua, assim como nos corpos de todos os seres vivos. Por aproximadamente 28 dias ela circunda a Terra e funciona como um sistema planetário binário, enquanto uma face está voltada para o Sol, a outra está voltada para a Terra, exercendo assim um duplo papel. Do ponto de vista esotérico podemos afirmar que enquanto voltada para o Sol a Lua conduz a luz espiritual, já com a face voltada para a Terra, para a dimensão física e material, torna-se um símbolo do dilema e do desafio do ser humano em se equilibrar entre o espírito e a matéria. A Lua desempenha, assim, seu papel de mediadora reagindo às energias do Sol e da Terra e ocasionando entre nós os ciclos de transformações naturais, biológicas e humanas.
                Enquanto o Sol astrológico representa a individualidade, a Lua revela a personalidade e a maneira de responder às experiências e aos estímulos externos. O processo de autoconhecimento inclui explorar as profundezas da Lua (da personalidade) para encontrar a luz do Sol (a individualidade central). Quando o Sol e a Lua estão em equilíbrio estabelece-se a união harmônica das polaridades.
                A energia lunar é a primeira a ser absorvida pelo filho na hora do nascimento, sendo depois ativado pelo contato com a mãe e pelas condições do mundo exterior. A partir disto, a influência da Lua natal irá permear todas as experiências da vida da pessoa, definindo até a estruturação e o desenvolvimento da personalidade.
                A Lua influencia nas mudanças das nossas reações às vivências cotidianas, pois ela nos protege e guia, ativando ou modificando nossos padrões habituais de comportamento. Pela posição da Lua no mapa natal identificam-se os padrões emocionais, o tipo e a qualidade dos relacionamentos, a maneira de responder às necessidades próprias e as dos outros, bem como a expressão ou o bloqueio de talentos naturais como intuição, inspiração e criatividade.
                O poder magnético da Lua, combinado com o movimento da Terra, movimenta oceanos e rios, controla as marés, movimentando toneladas e toneladas de água, então imagine o que pode fazer com as águas de nosso corpo.
                Ela influencia o fluxo da seiva das árvores e plantas e os fluidos corporais, incluindo o ritmo do sangue, a menstruação, ciclos de gestação, e mesmo o cérebro. Influencia na pesca, nas colheitas, bem como cães, lobos, raposas, coiotes, chacais, que lhes rendem homenagens.
                                A mulher é muito influenciada pelos ciclos lunares. Aquelas que observarem as flutuações da Lua dentro de seu signo astrológico lunar poderá tirar proveito da energia e do magnetismo lunar, ela poderá observar as variações de humor, seus ciclos biológicos (menstrual), bem como o aumento de sua percepção psíquica e o aguçamento de sua sensibilidade, assim como aumento ou diminuição no seu equilíbrio psíquico e emocional.
                Conhecer as características do seu signo lunar facilita compreender a estrutura emocional, reconhecer as motivações subconscientes e evitar as respostas instintivas ou racionais com a ajuda da intuição. A Lua rege a intuição, a memória, a relação com a mãe, os comportamentos familiares, os hábitos – tanto bons quanto maus – a expressão da feminilidade e o padrão emocional. Observar as fases lunares e suas influências sobre seu comportamento, saúde, humor, sensibilidade, sexualidade, apetite ou compulsões pode tornar-se um auxiliar precioso para detectar – e evitar – atitudes instintivas, reações exageradas ou hábitos perniciosos. Dezenas de estudos médicos e de estatísticas policiais comprovam o aumento do estresse emocional durante a Lua cheia e nova, levando ao aumento de internações psiquiátricas, violências, acidentes, crimes e suicídios.
                Durante a Lua cheia, a nossa psique se abre mais facilmente para as energias cósmicas e espirituais, amplificadas pelo magnetismo lunar. Ao se reunirem durante a Lua cheia, as pessoas, além de se harmonizarem, criam um cálice luminoso que pode irradiar energias positivas para toda a humanidade e para o próprio planeta. Nos rituais Wiccans de plenilúnio invoca-se a Deusa no seu aspecto de Mãe, atraem-se as suas bênçãos por meio de invocações, gestos, cânticos e danças, direcionando depois o poder mágico assim criado para benefícios pessoais, coletivos ou globais. A energia da Lua cheia é perfeita para manifestar idéias, concretizar objetivos, expandir intenções e contactar a Deusa interior, reafirmando, assim, a ligação ancestral e espiritual com a Lua, eterna governanta do corpo feminino e reflexo prateado do brilho da Mãe Divina.
                Cada fase da Lua manifesta um tipo de energia  própria, o conhecimento de suas características pode nos ajudar a sintonizar com sua força e usufruir de seus benefícios. Para trabalhos mágicos o mais indicado é observar a Lua e suas fases.


                 LUA NOVA
                Indica começo de um novo ciclo, o nascimento da Deusa, representado por Morgana a rainha das bruxas, é o tempo de fervilhar de novas idéias; tudo fica com o contorno de perpétuo começo, e podemos sentir que as idéias surgidas nesse período crescem à medida que a Lua vai crescendo no céu.
                É o mágico começo da jornada rumo ao nosso centro e sentimos uma intensa vontade de criar novos projetos. É sempre bom, nesse período, anotar num caderno o turbilhão de sentimentos que nos chegam com intensidade.
                                Neste período as pessoas tendem a recolher-se, tanto física com psicologicamente. Não há tanta energia para despender. Apesar de ser uma fase de introspecção, a Lua Nova representa o período mais fértil para se dar início à tudo o que for novo em nossa vida. Podem ser situações, projetos, idéias, tentativas, etc. É aconselhável  dar preferência à situações que não tenham antecedentes, ou seja, que estejam surgindo agora. Ideal para experimentarmos formas diferentes de fazermos as coisas.
                É indicada para rituais de início de algo novo ou mudanças em sua vida. Por não ter sinal nenhum da Lua visível no céu é quando as energias da Lua estão em seu momento mais fraco. Tradicionalmente é uma época de pouco ou nenhum trabalho mágico. Se você trabalha com a energia da Lua Nova, você vai fazer trabalhos para trazer coisas novas em sua vida ou fazer trabalhos para descobrir ou redescobrir a si mesmo.
                Uma dieta, um exercício, mudar de estilo, mudar de residência,  tentar um comportamento novo, ou um propósito. Podemos, dessa forma, reinaugurar tudo outra vez. Temos novamente outra chance. Qualquer coisa deve ser plantada aqui. Nem tudo florescerá, mas este é o período mais fértil para isso. Todas as possibilidades estão presentes. O que projetarmos nesta época, seja um pensamento, ou palavras, ou planos, terá mais chance de serem concretizados.
                Esta fase é perfeita para os exorcismos, para a preparação de obras com uma certa envergadura. Alguns feitiços de longo prazo começam na Lua Nova e acompanham o aumento do magnetismo lunar. É também o momento ideal para recolher as matérias-primas e proceder à preparação dos instrumentos usados em magia.

                LUA CRESCENTE
                Representa a face virgem da Deusa, representa Rhiannon, a Donzela. Ótima fase para levar a frente os projetos feitos na lua nova, é uma fase de crescimento, de correr atrás do que acredita e quer. É uma fase excelente para o crescimento em todos os sentidos.
                Esta fase Lunar representa uma desarmonia de qualidades. Temos que lutar para que nossos projetos e intenções venham a vingar. Começam a surgir obstáculos e é hora de serem enfrentados em prol de nossas realizações. Não é hora de desistir nem desaquecer. É um período de bastante movimento, em que as coisas se aceleram, mas ainda não ganharam forma. Ainda há tempo de fazermos mudanças necessárias ou de corrigir algumas abordagens. Porém, nem tudo vingará. O padrão que predomina na Lua Crescente é o que irá progredir durante todo ciclo lunar. É preciso então, prestar bastante atenção à natureza deste padrão; se for positivo (crescimento do sucesso), se for negativo (crescimento dos obstáculos).
                Este é considerado o momento ideal para a magia voltada para projetar as coisas para você, para o aumento das coisas, o crescimento, o melhor momento para trazer o que você tem vindo e trabalhar em pleno florescimento.        Ideal para rituais para dar continuidade e crescimento. Tempo para fazer curas, bênçãos e consagração de instrumentos, exceto para o Athame.

                LUA CHEIA
                Representa a face Mãe da Deusa, representa Brigit, A Grande Mãe, é uma fase de energia muito forte, excelente para trabalhar intuição, para realização de feitiços, rituais de qualquer espécie. O poder da Deusa está totalizado nessa fase, é aquela que aceita ou rejeita os projetos iniciados na Lua Nova.
                Seu papel é da escolha, pois nela se concentram todas as energias que possibilitam avaliar nossos desejos. Nesse período, sempre sonhamos com símbolos da fertilidade, é produtivo anotar os sonhos e meditar profundamente sobre eles. É um ótimo período para procurar aquele emprego tão desejado, para tentar vender seu trabalho, enfim é o tempo de selar nossas realizações.
                Esta Lua torna as pessoas mais sensíveis e inquietas. Mexe muito com o estado emocional geral e altera o humor. É também conhecida como a fase das realizações e transbordamentos, para melhor ou para pior. Se durante a Lua Crescente tivermos conseguido cumprir as etapas de crescimento e resolvido todos os entraves a tempo, teremos a sua culminância aqui. Do contrário, poderemos sentir frustração. Os nossos planejamentos atingiram o nível máximo de potencialidade. Nesta fase ficamos mais receptivos e mais ligados ao nosso inconsciente. As emoções e as sensações se aguçam, sob o efeito desta Lua e os relacionamentos podem ficar preocupantes, por conta de uma obsessão. É bem mais difícil manter o equilíbrio. Convém, dessa forma, procurar manter a calma. Especialmente indicado para pedidos ao Cosmos e prática de poder mágico. Cuidado com o que diz, pois nada ficará em segredo ou a salvo de muitos comentários. Bom para mudar de emprego ou de residência.
                Fase indicada para rituais que confirmam o desejado, que aumente. É quando a Lua está em seu auge, no ápice de seu poder. Este é o tempo de trabalho mais forte. É o momento perfeito para fazer magias para a fertilidade ou aqueles que irão ajudar a aumentar suas habilidades psíquicas.
                Também é um excelente período para fazer uma limpeza com água e sal grosso em seus instrumentos mágicos e amuletos.
                É certamente o momento mais favorável para tirar os maus olhados e malefícios, uma vez que os seres humanos se encontram mais sensíveis e receptivos às influências exteriores.
               
                LUA MINGUANTE
                Representa a face Anciã da Deusa, representa Cerridwen, indica o ciclo completado, representa a sabedoria, é o tempo da desintegração de algumas idéias antigas; o movimento aqui é de introspecção e recolhimento. É também o período pré-menstrual em várias mulheres.
                Nesse período estamos mais pacientes e nossos atos não são mais tão impulsivos. Não é uma fase para se fazer feitiços relacionados a começos, ou eles minguarão junto com a lua, é um período para se preparar para começar tudo de novo, porém com mais sabedoria. É tempo de reflexão...
                Esta Lua é ótima para largar situações insatisfatórias, porque estamos menos atingidos por elas. Tudo perde um pouco a intensidade e a importância. Aproveite esta fase e faça uma introspecção e auto-análise. Não insista em assuntos ou projetos que não vingaram até agora. Aguarde por nova chance na Lua Nova. Ótimo para fazer limpeza doméstica, livrar-se daquilo que não precisa mais. Não dê inicio a nada. Recolha energias e as utilize para terminar coisas e finalizar pendências.
                Um novo ciclo se inicia, quando a Lua volta a ser invisível e se alinha entre o Sol e a Terra. Indicada para rituais a fim de livrar-se do indesejável.
                Este é  o tempo de estudo, meditação e diminuindo a magia, a eliminar as influências e energias indesejadas, para quebrar maus hábitos, para terminar relacionamentos prejudiciais e se reconciliar com o passado. É uma época de términos e levar as coisas a uma conclusão. Este é o momento para consagrar o seu Athame.
                Também é um período propício para os rituais destinados a “cortar” algo que tenha sido feito anteriormente.

Grasi Marchioro

                

Nenhum comentário:

Postar um comentário